O MAIOR NÚMERO É DE MULHERES NO PLANETA

O MAIOR NÚMERO É DE MULHERES NO PLANETA
Não é preciso pedir por favor, é um direito adquirido de igualdade social, é um dever a inclusão social das mulheres nos textos gramaticais.

segunda-feira, 29 de junho de 2009

"INCLUSÃO DA MULHER NA GRAMÁTICA UNISSEX" - autor: Jeovah Batista de Almeida

INCLUSÃO DA MULHER NA GRAMÁTICA UNISSEX.

AUTOR CRÍTICO DECISIVO INSOFISMÁVEL: Jeovah Batista de Almeida "Jolly".

A Sociedade contemporânea emplacou jubilosamente o século 21 com um avanço positivo em tecnologia, porém, convive intensa e plenamente, "a mórbida fobia ao gênero feminino e, por outro lado, faz apologia ao masculino infelizmente".

AUSÊNCIA TOTAL DO GÊNERO FEMININO NOS TEXTOS EM PLENO SÉCULO 21.

FEMINIFOBIA GENERALIZADA: Feminifobia é o medo e/ou a rejeição pela inclusão do gênero feminino oral e textual em pleno século 21; saiba que, qualquer tipo de omissão e/ou discriminação são consideradas como crime perante o código penal; você pode até exclamar; "isso nunca deu em nada"! É porque ninguém reclamou na justiça ainda, mas, você não perde por esperar! Quem viver, verá isso acontecer com certeza.        

Página atualizada em 14 de maio de 2015.



A pretensão do autor é "fomentar" sobre esta nova obra de inclusão feminina nos textos para fazer jus a "IGUALDADE SOCIAL".


"DISCIPLINA UNISSEX": a mulher tem o direito de ir e vir, de escrever e falar no seu próprio gênero e assumir a "PORTABILIDADE DA SUA LEGÍTIMA IDENTIDADE GRAMATICAL INDIVIDUAL FEMININA".


Esperamos que esta obra seja de grande valia à comunidade e que em breve ou a longo prazo possa vir a ser sancionada como "A CULTURA DO FUTURO QUE SE FAZ PRESENTE HOJE, AQUI E AGORA".



As pessoas mais sábias do mundo, são as que analisam e mudam de opinião. 

As mudanças evolutivas promovem o progresso.

Autor: Jeovah Batista de Almeida "Jolly".
29 de junho de 2009.

Pense, mude, evolua, "TRANSCENDA". Abraço do "Jolly".